1. Qual a remuneração de um at?

Em média, segundo nossas pesquisas, o at com experiência e graduação em áreas da saúde, educação, ou assistência social, aliadas a uma Pós-graduação tem remuneração média no Brasil estimada em média, no valor de R$100,00/hora/atendimento particular.

Para Estágios oferecidos em escolas, a bolsa é em média de R$700 para carga-horária de 6h. Percebemos uma procura crescente para atuação do at em escolas, cuja atividade principal é a aplicação de PDI (Plano de Desenvolvimento Individual) junto a crianças com atraso no desenvolvimento. Em geral, esse trabalho é supervisionado por um acompanhante terapêutico (at) experiente e supervisor clínico em Acompanhamento Terapêutico (AT), pelo educador, professor e coordenador escolar.

2. Qual a relação do curso EaD de Acompanhamento Terapêutico (AT) com a “terapia ABA”

O termo ABA, do inglês Applied Behavior Analysis, significa Análise do Comportamento Aplicada e se refere à parte aplicada da ciência do comportamento. ABA envolve tanto uma área de pesquisa, quanto as diversas possibilidades de prestação de serviço que se utilizam das tecnologias investigadas em relação à sua efetividade na resolução dos problemas humanos. Uma área na qual estas tecnologias se mostraram fortemente efetivas foi o tratamento de pessoas com Desenvolvimento Atípico, especificamente pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA - CID F.84.0) e a literatura cientifica têm mostrado a efetividade da intervenção nesta população. Pessoas que foram qualificadas como acompanhantes terapêuticas (at), podem ser ou não analistas do comportamento ABA. De qualquer maneira, a abordagem do at poderá ser efetiva para as demandas, especialmente pessoas com TEA, principalmente em casos nos quais a intervenção for realizada de maneira intensiva e precoce, por um longo prazo por profissionais qualificados, como é o caso dos acompanhantes terapêuticos (at).

3. Uma vez realizado o curso, eu posso atuar como “terapeuta ABA” ou “at ABA”?

Em princípio, não, pois analista do comportamento, não é o mesmo que ser acompanhante terapêutico (at). Segundo a ABPMC - Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental para dar conta de uma intervenção baseada em ABA, o serviço deverá contar contar com: a) um Analista do Comportamento Supervisor, que é responsável por desenvolver e gerenciar a intervenção; b) um Analista do Comportamento Assistente, responsável por auxiliar o Supervisor a operacionalizar a implementação da intervenção e c) Aplicadores ou Técnicos, que são as pessoas responsáveis pela aplicação direta de procedimentos elaborados pelo Supervisor viabilizando o número de horas necessários para a intervenção acontecer. Ou seja, o terapeuta ABA deverá ser qualificado como Analista do Comportamento. O acompanhante terapêutico (at) ele pode ser ou não um analista do comportamento, dependendo da atuação profissional dessa pessoa. A Formação EaD em Acompanhamento Terapêutico (AT) está também dirigida a quem é Analista do Comportamento.

 

4. Onde posso encontrar mais informações acerca da atuação do at com a “terapia ABA”?

Sugerimos acompanhar as notícias no site da ABPMC e na Associação Brasileira de Análise do Comportamento https://analisedocomportamento.org.br/

5. O at pode atuar dentro de sala de aula com alunos com TEA?

Sim, um at poderá atuar em sala de aula. A Lei 12.764 de 2012 conhecida como “Lei Berenice Piana” não utiliza o termo at, utiliza-se do termo “acompanhante especializado”, que é recomendado para atuação dentro de sala de aula. Porém, destinada as pessoas com TEA e sancionada em 2 de dezembro de 2014, ela diz: “§ 2o Caso seja comprovada a necessidade de apoio às atividades de comunicação, interação social, locomoção, alimentação e cuidados pessoais, a instituição de ensino em que a pessoa com transtorno do espectro autista ou com outra deficiência estiver matriculada disponibilizará acompanhante especializado no contexto escolar, nos termos do parágrafo único do art. 3o da Lei no 12.764, de 2012”. E para esse “acompanhante especializado” será recomendado que ele seja qualificado para atender os casos indicados na Lei. No caso, poderá ser uma pessoa que obteve a formação em Acompanhamento Terapêutico (AT).

 

6. O curso, além da formação em at, viabiliza o estágio supervisionado e ingresso no mercado de trabalho. Como se dá esse processo?

Sim. Além da carga horária teórico-prática, disponibilizaremos um aplicativo onde o estudante terá acesso a oportunidades de estágio e atuação profissional após o certificado. Caberá a ele se cadastrar, preencher seu perfil e disponibilizar seu currículo para centenas de famílias cadastradas e que demandam pelos seus serviços. A demanda de maior perfil dentro do aplicativo é por treinamento de pais e supervisão online de crianças com autismo leve e moderado. O mesmo aplicativo poderá ser utilizado na prestação de serviços pelo acompanhante terapêutico (at), que for qualificado, especificamente ajudando-o a organizar toda a rotina do atendimento: avaliações e diagnóstico, planejamento terapêutico, folhas de registro, relatórios e devolutivas aos responsáveis acessados pelo celular, tanto pelo at, pelo supervisor do estágio e, posterior supervisor clínico, quanto pelo paciente acompanhado.

 

7. Qual o público alvo do curso?

Profissionais da área da saúde, da educação e da assistência social, bem como estudantes dessas mesmas áreas. Cuidadores de idosos e de pessoas com transtornos e deficiências (autismo, síndrome de down, Alzheimer, deficiência intelectual, entre outros).

8. Quais as áreas de abrangência do curso?

Psicologia, Educação e Assistência Social.

9. O curso é online e posso fazer do meu celular?

Sim. Para fazer o curso basta uma conexão com internet (para encontros por videoconferência e simpósio virtual) via computador ou smartphone. Neste último caso, será fornecido um aplicativo específico para suporte ao estágio em Acompanhamento Terapêutico (AT), bem como para a prática do profissional que estiver em formação e/ou já formado em AT.

 

10. Qual a duração do curso?

Em geral, é realizado entre 6 e 12 meses dependendo da disponibilidade do aluno e das características do estágio em que ele escolheu atuar. A carga-horária do curso tem duração de 230 horas/aulas, contando com aulas gravadas e encontros online ao vivo. As aulas são liberadas semanalmente na plataforma web e organizadas em módulos.

 

11. Quais são os requisitos para obtenção do certificado?

Além de honrar com o investimento, para fazer jus ao certificado o aluno deverá obter frequência mínima de 75% nas aulas e avaliação superior a 80% nas atividades necessárias a conclusão do curso. Além disso, cumprir com 80 horas de atividades de estágio, incluído as horas de supervisão clínica virtual de 1h e 30min semanais, os atendimentos e o simpósio virtual.

 

12. Quais os objetivos do curso?

Habilitar pessoas a prestarem atendimento especializado a indivíduos com problemas consequentes às adversidades que o acometem e limitam na realização do seu projeto de vida. Seja profissionalmente ou nos cuidados a pessoas do seu convívio familiar, o acompanhante terapêutico (at) será capaz de atuar sozinho ou em equipes de trabalho em saúde e de outros setores dos diversos serviços – públicos e privados - que compõem a Rede de atenção psicossocial a pessoas de sua cidade. Além disso, o at deverá ser sempre respaldado por supervisão clínica dos casos que ele atenda, dada a complexidade desse tipo de atendimento.

 

13. O que eu vou aprender durante o curso?

Os principais eixos do conteúdo programático do curso são:

  1. Historicidade contextual do AT: sua relação com a reforma psiquiátrica, os territórios de escuta e atenção psicossocial.

  2. A ética, a integralidade do cuidado e as questões técnicas no AT.

  3. O Acompanhamento Terapêutico (AT), seu contexto na prática e o processo de atendimento psicossocial.

  4. A família como grupo social de origem: disparadores das dinâmicas do inter-relacionamento humano.

  5. O trabalho do Acompanhamento Terapêutico (AT) como atividade clínica no campo da atenção psicossocial.

  6. Diagnósticos psicopatológicos e o processo compreensivo sobre o adoecimento humano.

  7. O trabalho clínico do Acompanhamento Terapêutico (AT) como cerne da interdisciplinaridade do trabalho em equipe.

  8. Projeto de Atendimento Psicossocial (PAP): a construção do processo de trabalho no atendimento como acompanhante terapêutico – o AT – mediante a metodologia do Instituto Comviver.

 

14.Não tenho disponibilidade para realizar um curso presencial e por isso optei pelo online. Neste caso, como estão organizadas as aulas gravadas, provas e estágio?

O curso está organizado em aulas gravadas, expositivas e dialogadas, discussão de textos e de filmes, exercícios e avaliações individuais através de aplicativo para smartphone, tudo perfazendo 120 horas. Terão encontros virtuais bimestrais de 2 horas, totalizando 6 encontros por videoconferência, perfazendo 12h/aula. As atividades dirigidas serão enviadas entre os encontros virtuais mensais, contando 3 horas, perfazendo um total de 18 h/aula. Em relação ao estágio em AT, serão realizados projetos individuais ou em dupla de atendimentos em AT em locais escolhidos pelos alunos (o Instituto Comviver disponibilizará um aplicativo para o estudante divulgar seu currículo e aumentar as chances de conseguir uma vaga de estágio). O Instituto também irá oferecer todo o suporte através deste aplicativo especializado, desenvolvendo a carga-horária de 80 horas de Estágio AT, composto de:

  • Supervisão clínica virtual: 1h e 30min/semana dedicada à Supervisão clínica AT, via aplicativo = 30h/aula.

  • Atendimentos AT: 2 horas/semana dedicadas aos atendimentos em AT com anotações em Formulários de atendimento AT, especialmente desenvolvidos pela metodologia de atendimento em AT do Instituto Comviver. O material será disponibilizado pelo aplicativo e realizadas em locais previamente selecionados pela coordenação do curso junto aos participantes = 48h.

  • Por fim, para completar as 230h prevista no curso, um simpósio virtual com duração de 2 horas, via videoconferência.

Logo com CRP (Horizontal) - Dark.png

© 2020 by Realiza Assessoria Executiva 

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now